Ecocopos do Forró de Curvelo devem ajudar a reduzir o lixo durante a festa

Em 2017 várias novidades devem marca o 37º Forró de Curvelo. Entre as novas regras, estão a venda dos Ecocopos do Forró de Curvelo e a proibição de garrafas de vidro, coolers e caixas de isopor.  Os copos especiais vão substituir os descartáveis, latinhas e garrafas durante os quatro dias de festa.

 

A medida tem por objetivo reduzir a poluição na Praça Central do Brasil e nos arredores da festa. Os copos já estão sendo comercializados pelo valor de R$ 3,00. E caso o comprador não queira guardar o copo como lembrança, pode devolver no final da festa e pedir o dinheiro de volta.

 

Pontos de venda dos Ecocopos do Forró de Curvelo:

– UMAC (Rádio Comunitária);

– APAE;

– Loja Beko Acessórios;

– Supermercado Bonzão (Bela Vista);

– PRONAV;

– Rotary Club Norte

– HD Brinquedos.

 

Durante o Forró, a venda ocorrerá em todas as barracas das entidades participantes e em barracas instaladas após as portarias de entrada. O valor será de R$ 3,00.

 

Forró sem Lixo

O forrozeiro terá que adquirir o chamado “ecocopo”, ou seja, o copo oficial da festa, para ter seu chopp geladíssimo servido pela equipe da Dispel, a mesma que serviu o Rock in Rio. A intenção é fazer o chamado “Forró Sem Lixo”.

 

Por isso, não serão utilizados copos plásticos descartáveis no evento, reduzindo enormemente a quantidade de resíduos que a Prefeitura tem de recolher todos os dias ao final da festança. Os recicláveis que ainda restarem serão recolhidos pela Associação Curvelana de Catadores de Recicláveis.

 

Lacrando Bem

Além dos ecocopos, a festa contará com a presença da Ong Lacre do Bem, da Júlia Macedo, cuja família é curvelana. Ela é ganhadora do Prêmio Bom Exemplo, da Rede Globo de Televisão, e lançará durante a festa o livro em que conta a história de sua luta pela transformação de lacres de latinhas em cadeiras de rodas.

 

A Lacre do Bem doará uma cadeira de rodas para a PRONAV e outra que será sorteada entre as demais instituições participantes do Forró, além de promover oficinas de reciclagem, no Centro Cultural, e lançar a campanha pela arrecadação de lacres durante o evento. Cada barraca terá uma pet costumizada pela Ong, para colocação dos lacres das latinhas de cerveja, suco e refrigerante.

 

Compartilhe esta notícia nas suas redes sociais!
error: Atenção! Os textos, fotos, artes e vídeos do Mais Completo estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em quaisquer outros veículos de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização. Sinta-se a vontade para compartilhar nossos conteúdos em suas redes sociais!