Engenharia Civil do CEFET Curvelo é reconhecido com nota 4 no MEC

O curso de Engenharia Civil da Unidade Curvelo do Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (CEFET-MG) foi avaliado e reconhecido com nota 4 pelo Ministério da Educação (MEC). A avaliação leva em consideração a organização didático-pedagógica, no corpo docente e na infraestrutura para dar notas aos cursos de graduação.

Entre os dias 11 e 12 de maio, a Unidade Curvelo recebeu dois integrantes do Banco de Avaliadores do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Basis), que além de visitarem as instalações, participaram de reuniões com gestores institucionais, com a coordenação do curso, professores, técnicos administrativos e alunos. Os avaliadores verificaram, in loco, as informações prestadas por meio do Sistema e-MEC, como o atendimento aos Requisitos Legais e Normativos, a oferta da Disciplina da Língua Brasileira de Sinais (Libras) dentre outros, e o atendimento às Diretrizes Curriculares Nacionais para cursos de Engenharia Civil.

Dentre os vários critérios de análise, aqueles ligados ao corpo docente tiveram as notas mais altas. A atuação da coordenação, o alto percentual de professores com pós-graduação stricto sensu e o número de professores com experiência de pelo menos três anos no magistério superior foram alguns dos quesitos avaliados com a nota máxima (5).

Em nota publicada pela Superintendência de Comunicação Social do CEFET-MG, a diretora da Unidade Curvelo, professora Lourdiane Gonzaga, atribui a nota à consolidação de demandas para o funcionamento do curso com a implementação de melhorias físicas, tecnológicas, de pesquisa e extensão, principalmente no último ano. “A comunidade cefetiana em Curvelo sentiu-se honrada e recebeu o conceito 4 com empolgação diante do empenho de todos para uma educação de qualidade. Que possamos continuar trabalhando juntos para a realização de novas conquistas”, comemora. Lourdiane participou da implantação do curso e foi coordenadora até maio de 2016. Atualmente, o curso é coordenado pela professora Luciana Patrícia Ferreira. A diretora explica ainda que o próximo passo é orientar os nossos alunos que irão participar pela primeira vez do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (ENADE), em novembro de 2017.

O curso de Engenharia Civil em Curvelo foi autorizado em 2012, tendo recebido as primeiras turmas no mês de novembro daquele ano. Atualmente oferta 40 vagas no turno noturno.

Compartilhe esta notícia nas suas redes sociais!
error: Atenção! Os textos, fotos, artes e vídeos do Mais Completo estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em quaisquer outros veículos de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização. Sinta-se a vontade para compartilhar nossos conteúdos em suas redes sociais!